Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Biologia Celular II

Curso

Ciências Farmacêuticas

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura; Mestrado | Semestral | 4

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

105 | 60

Código

ULHT477-3077

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. Diversidade biológica
Vírus e priões
Os três domínios
2. Biologia vegetal
Fotossíntese e respiração
Histologia vegetal
Desenvolvimento vegetal, especialização dos órgãos vegetais
Sistemática e taxonomia de plantas. Evolução e diversidade biológica. Chave dicotómica e floras.
Comparação da anatomia, morfologia, ciclo de vida e ecologia entre famílias botânicas com interesse farmacológico
3. Diversidade biológica como fonte de produtos farmacêuticos
Recursos naturais como fonte de novas moléculas
Metabolitos primários e principais vias biossintéticas de metabolitos secundários
Medicina tradicional, isolamento, purificação e inovações na obtenção de novos fármacos
4. Biologia animal
Histologia animal
Desenvolvimento animal
5. Técnicas de biologia celular
Cultura de células
Microscopia
Citometria de fluxo
Fraccionamento celular
6. Genética
Leis de Mendel
Hereditariedade recessiva, dominante e ligada ao sexo
Variações de dominância

Objetivos

Após a frequência desta UC o aluno deverá ter uma visão abrangente da diversidade biológica como fonte de novos produtos farmacêuticos bem noções básicas de histologia e desenvolvimento. É dada especial atenção, em particular nas aulas laboratoriais, ás plantas como fontes de novas moléculas com interesse farmacológico, para tal são apresentadas as principais famílias de plantas com interesse económico e farmacológico

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

O aluno deverá conhecer os principais métodos de extracção, isolamento e análise desses mesmo compostos, bem como as principais técnicas de biologia celular. Os processos envolvidos na respiração e na fotossíntese são aprofundados e noções básicas de histologia e desenvolvimento animal e vegetal são apresentadas. O aluno deverá ainda ser capaz de compreender os mecanismos envolvidos na hereditariedade e de analisar pedigrees.

Metodologias de ensino e avaliação


O ensino assenta na exposição teórica, na resolução de exercícios e na discussão em aula, incluindo vários instrumentos baseados no ensino presencial magistral/tutorial e em ferramentas não-presenciais (e.g. moodle). No ensino tutorial são aprofundados conceitos fundamentais do programa através da execução de trabalhos laboratoriais que permitem consolidar a matéria leccionada.

A)Regime de avaliação contínua ¿ nota final resulta da média ponderada dos seguintes componentes:
Dois testes abrangendo toda a matéria leccionada nas aulas teóricas e laboratoriais (componentes T1 e T2) ¿ 35% x2
Desempenho nas aulas laboratoriais ¿ 15%(A)
Assiduidade e pontualidade (TL) ¿ 5%(B)
Apresentação de trabalho de pesquisa ¿ 10%(C)

Nota Final = T1(35%) + T2(35%) + A(15%) + B(5%) + C(10%)

B) Regime de exame e exame de melhoria
Prova escrita englobando a totalidade dos conteúdos programáticos, leccionados.

Bibliografia principal

1. Lodish, H et al. (2012), Molecular Cell Biology (7th Ed). W. H. Freeman and Co. (Informação complementar online: http://bcs.whfreeman.com/lodish7e/#t_800911____)
2. Raven, P H. et al, (2013) Biology of Plants (8th ed). W. H. Freeman and Co.
3. Proença da Cunha, A.; Teixeira, F., Pereira da Silva, A; Roque, O.R; (2007). Plantas na Terapêutica Farmacologia e Ensaios Cínicos, Fundação Calouste Gulbenkian.