Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Teorias e Sistemas de Comunicação: Especificidades Aumentativas e Alternativas

Curso

Comunicação Alternativa e Tecnologias de Apoio

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 6

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

150 | 30

Código

ULHT369-7957

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1 - Fundamentos Científicos, Teorias e Modelos Formais e Específicos da Comunicação para a Educomunicação Inclusiva: fundamentos experienciais e teóricos, lógica da significação e da comunicação, impacto universal.
2 - Análise e Terminologia Conceptual das Diferentes Formas de Significação e Comunicação: imprescindibilidade sígnica/semiose no desenvolvimento biopsicossocial e humano.
3 - Sistemas de Comunicação: comunicação e linguagem. Os sistemas intonacional, paralinguístico e cinésico. A comunicação aumentativa e alternativa e das emoções; a conversação.
4 - Da Tiflografia ao Braille/Braillologia: instrumento literácito e intelectossocial inclusivo para as pessoas cegas e surdocegas.
5 - O Processo Sociocomunicacional Inclusivo na Educação e Cultura da Participação e da Partilha. Capacidade/competências pessoais e sociais, sociocomunicativas, literacia e relacionamento, interação e inclusão, emprego e qualidade de vida das pessoas com deficiência e/ou com multideficiência.

Objetivos

Apresentar o braille como instrumento literácito e intelectossocial inclusivo para as pessoas cegas e surdocegas.
Elucidar processos científicos ampliativos do paradigma comunicacional, com particular incidência nos códigos de comunicação específicos, visando a educomunicação inclusiva.
Confrontar as potencialidades de explicitação dos modelos e das teorias, aplicadas à investigação empírica e científica, no plano das valências aumentativas e alternativas da comunicação e tecnologias adaptativas, produtos de apoio e meios humanos auxiliares de comunicação, no sentido da especialização de profissionais em comunicação e linguagem para a comunicação e educação inclusivas, Professores do ensino pré-escolar, básico, secundário e superior/universitário.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Aprofundar métodos e técnicas de análise e aplicação das teorias e modelos comunicacionais.
Desenvolver na lógica significacional os modelos de análise e representação das teorias e modelos da comunicação, numa perspetiva inclusiva.

Metodologias de ensino e avaliação

Aulas expositivas/demonstrativas sobre as metodologias e estratégias para a compreensão e aprofundamento das teorias e sistemas de comunicação, com enfoque nas especificidades comunicacionais aumentativas e alternativas, tecnologias adaptativas, produtos de apoio e meios humanos auxiliares de comunicação, com base nas opções metodológicas e científicas enunciadas em "Conhecimentos, Capacidade e Competências a Adquirir", "Objetivos" e "Conteúdos Programáticos", com fundamentação na "Bibliografia" base mencionada, alargada a mais bibliografia científica e tecnológica de acordo com a investigação e desenvolvimento dos pontos programáticos da UC.
Avaliação dos mestrandos através da assiduidade/participação efetiva nas aulas e da realização de trabalhos de investigação e desenvolvimento, nas dimensões teórica e teórico-prática.

Bibliografia principal

AINSCOW, M. (1996). NEE na Sala de Aula. INE, Lisboa.
GUERREIRO, A. D. (2012). Comunicação e Cultura Inclusivas. Edições Universitárias Lusófonas/ULHT, Lisboa.
GUERREIRO, A. D., Org. (2011). Comunicar e Interagir... Edições Universitárias Lusófonas/ULHT, Lisboa.
GUERREIRO, A. D. (2011). Literacia Braille e Inclusão¿ Câmara Municipal, Lisboa.
JOHNSTONE, D. (2001). An Introduction to Disability Studies. David Fulton Publishers Ltd, London.
MARTINSEN, S. T. H. (2000). Introdução à Comunicação Aumentativa e Alternativa. Porto Editora, Porto.
NUNES, C. (2001). Aprendizagem Activa na Criança com Multideficiência: Guia para Educadores. ME, Lisboa.
RODRIGUES, D. (2012). Educação Inclusiva: dos Conceitos às Práticas de Formação. Piaget, Lisboa.
VERDUGO ALONSO, M. A. (1996). Como Mejorar la Calidad de Vida de las Personas con Discapacidad¿ Amaro Ediciones, Salamanca.
VYGOTSKY, L. S. (1998). Pensamento e Linguagem. Martins Fontes, São Paulo.