Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Monoteísmo e Messianismo Judaico

Curso

Ciência das Religiões (M)

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 6

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

20 | 20

Código

ULHT453-6281

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. O politeísmo na época da monarquia
2. O caminho da transcendentalização de Yahvé
3. A omnipotência: a dinâmica de Aliança e de punição
4. O termo "messias" e seu conteúdo
5. O ideal monárquico no antigo Israel e a questão de esperança futura
6. A elaboração no exílio babilónico: o monoteísmo pleno
7. A Revolta dos Macabeus ¿ imaginário e história
8. Os confrontos com o Helenismo
9. A destruição de 70. O Judaísmo Rabínico. Talmude e Mishnah
10. As perseguições do Império Romano e as instalações suevo-visigóticas
11. O nascimento da mística medieval. O Zohar. Maimónides
12. O renascimento peninsular
13. As lutas de identidade e as conversões. A Disputa de Tortosa
14. A Filosofia e a literatura de finais da Idade Média
15. Os impulsos messiânicos modernos. Fuga. Diáspora. Imaginários e sobrevivências
16. O judaísmo peninsular na construção da modernidade
17. Os primeiros anti-semitismos do séc XIX
18. A identidade judaica em recomposição no séc XX
19. Desafios a uma

Objetivos

Os objectivos centrais desta unidade curricular são: - compreender o nascimento do monoteísmo no espaço da Síria-Palestina; - trazer para o debate sobre o religioso a componente de nacionalismo que enforma este caso, usando-o como base teórica de análise do fenómeno; - enunciar e compreender como o messianismo veio dar corpo a uma das mais importantes expressões do judaísmo.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

As competências centram-se: - na capacidade de olhar o fenómeno religioso nas suas implicações nacionais e ideológicas; - perceber como desde a origem o judaísmo é uma religião diversa, mas com aspectos de cultura próprios e identitários;

Metodologias de ensino e avaliação

As sessões de trabalho serão teórico-práticas. Na dinâmica das sessões, os alunos participarão activamente através da leitura de alguns textos previamente definidos e distribuídos. O objectivo dessas leituras, comentadas em sala de aula, reside necessidade de utilizar a própria identidade religiosa de cada aluno, e a sua identidade cultural, na desmontagem dos lugares-comuns em que s eencerra a maioria do conhecimento que a sociedade tem do Judaísmo.
Serão realizadas duas visitas de estudo: - Sinagoga Sharé Tikva (Lisboa) - Museu Judaíco de Belmonte.
A avaliação contará com a realização de um ensaio, crítico, com base numa obra de autoria de um judeu sefardita de origem portuguesa.

Bibliografia principal

AA.VV., La plus belle histoire de Dieu. Qui est le Dieu de la Bible ?, Du Seuil, 1997
CAZELLES, Henri, Le Messie de la Bible. Paris, Desclée, 1978
DOSICK, Wayne. Living Judaism: The Complete Guide to Jewish Belief, Tradition and Practice.
GOTTWALD, Norman K. The Tribes of Yahweh, London, SCM Press Ltd, 1980
GRELOT, Pierre, L'espérance juive à l'heure de Jésus, Paris, Desclée, 1978
KÜNG, Hans, Judaism. SCM Press Ltd, 1992
MENDENHALL, George The Tenth Generation. The Origins of Biblical Tradition. London, The John Hopkins University Press, Ltd, 1973
MOWINCKEL, Sigmund El que ha de venir. Messianismo y Mesias. Madrid, Ediciones Fax, 1975
ROSE, Martin, Une herméneutique de l'Ancien Testament. Geneve, Labor et Fides, 2003
VERMEYLEN, Jacques, Le Dieu de la promesse et le Dieu de l'alliance. Paris, Du Cerf, 1986