Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Seminário - Conferências em Educação Física, Desporto e Saúde

Curso

Educação Física e Desporto (D)

Grau|Semestres|ECTS

Doutoramento | Semestral | 15

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

375 | 30

Código

ULHT1108-12594

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

O Seminário integra dez conferências:
1 A Psicologia e a Optimização do Rendimento Desportivo
2 A Saúde do Adolescente
3 Análise Sociológica do Desporto
4 A Inactividade Física em Crianças e Adolescentes: um grande problema de Saúde Pública
5 Actividade Física e Promoção da Saúde
6 A investigação em Educação Física e Desporto: a história como construção problemática
7 Avaliação da Qualidade em Educação Física e Treino
8 A Escola, e a Educação Física na Promoção de um Estilo de Vida Activo,
9 Alto Rendimento e Desenvolvimento Humano: A Construção do Problema
10 O Paradoxo da Educação Física: Análise da Actualidade e Perspectivas Futuras

Objetivos

Constituindo a mais profunda especialização na formação académica, o doutoramento não deve negligenciar a dimensão cultural e científica específica, reportando-se à respectiva área de conhecimento. Tratar com rigor e actualidade temáticas relevantes no domínio da Educação Física, do Desporto e da Saúde, relacionadas com o exercício e a actividade física é o objectivo desta Unidade Curricular, visando desenvolver competências de estudo, análise e argumentação em matérias diversas e complementares, com uma finalidade comum: o desenvolvimento integral e o bem-estar do indivíduo e da sociedade, tendo como meio o movimento.
Pretende-se, também, dotar os estudantes de uma visão interdisciplinar, sistémica e complexa da realidade e de uma área do conhecimento que, como tantas outras, tem vindo a fragmentar-se à medida que se especializa. Fragmentação susceptível de gerar conhecimento parcial, redutor e, consequentemente, acientífico.

Metodologias de ensino e avaliação

Cada uma das dez Conferências terá a duração de três horas incluindo uma parte expositiva e outra de debate, tendo por referência a matéria leccionada e o conteúdo de documentação previamente aconselhada.
Avaliação:
Visando o desenvolvimento de capacidades de análise crítica na selecção e tratamento de documentação, de argumentação e comunicação científica e de redacção, a avaliação consistirá na realização, apresentação e discussão de um trabalho de grupo com as características seguintes:
- Tratar conteúdos de várias conferências;
- Expressar de modo adequado e pertinente a problematização das matérias em estudo.
- Evidenciar pesquisa documental e criteriosa selecção de fontes;
- Assumir a forma de artigo (máximo de 15 páginas, normas APA).
Dois docentes participarão na avaliação de cada trabalho.

Bibliografia principal

Carreiro da Costa, F. (2013). Educar para uma Vida Activa: Como Ultrapassar o Paradoxo que Caracteriza a EF no Contexto Internacional. Gymnasium, 4, 1, 37-73
Hardman, K., Murphy, C., et all. (2014). World-wide Survey of School PE Final Report. Paris: UNESCO
Marivoet, S. (no prelo), Measuring and Comparing Sports Participation: The case of Portugal in the European context, European Journal for Sport and Society.
McGarry, T. (2009). Applied and theoretical perspectives of performance analysis in sport: Scientific issues and challenges. International Journal of Performance Analysis of Sport, 9, 128-140.
Piéron M. y Ruiz F. (2010). Importancia de la perspectiva longitudinal en el estudio de la práctica deportiva de los jóvenes y adolescentes en el marco de los observatorios del deporte¿ En, J.A Arruza y J.Aldaz (Eds). San Sebastián: Uni. del País Vasco.
Smith, A. L., & Biddle, S.J.H. (Eds.). (2008). Youth physical activity and sedentary behavior. Champaign, IL: Human Kinetics.