Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Metodologias de Investigação em Museologia

Curso

Museologia (D)

Grau|Semestres|ECTS

Doutoramento | Semestral | 10

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

2 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

280 | 20

Código

ULHT485-7258

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

I. A Investigação em Museologia
1. O estatuto disciplinar do Museologia e o lugar da investigação: as diferentes perspectiva da investigação aplicada à Museologia
2. Investigação em Museologia em Contexto nacional e internacional: balanço e perspectiva da produção de conhecimento em Museologia
II. A Investigação em Ciências Sociais: Questões teórico-metodológicas e processo de pesquisa
1. A dinâmica da construção do conhecimento em Ciências Sociais: um debate sobre as estratégias de investigação
2. Estratégias de investigação e desenhos de pesquisa em Museologia
3. Métodos e principais técnicas de investigação em Ciências Sociais - uma revisão reflexiva em vista da conceção e aplicação à investigação em Museologia com ênfase nas metodologias qualitativas de investigação
4.As coleções museológicas como objeto de investigação: métodos e procedimentos

Objetivos

Apresentar os principais passos da investigação científica em museologia;
Analisar o quadro teórico-metodológico da Museologia Contemporânea;
Problematizar distinções importantes entre conceitos e categorias, enquanto ferramentas da pesquisa científica;
Explicitar o papel da teoria, das metodologias e da técnica da pesquisa no campo da museologia;
Situar debates recorrentes da experiência da pesquisa em especial no campo dos museus.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Aproximar Teoria e prática museológica
Reconhecer processos sociomuseológicos, aplicando e explorando novas metodologias na resolução de problemas, dialogando com diferentes especialistas encontrando soluções equilibradas no respeito pelas populações e pelo seu património
Trata-se de preparar os discentes para o exercício e reflexão museológica, incentivando-os para o desenvolvimento do espírito criativo, ético e de rigor profissional
Qualificar para docência nas áreas da Museologia, do património e das políticas culturais.

Metodologias de ensino e avaliação

As aulas em formato de seminário permitem uma reflexão abrangente dos problemas em debate. Mais importante que a transmissão de conhecimentos é, neste sentido, a atribuição de competências com base na reflexão e crítica dos temas apresentados através do debate orientado em torno dos assuntos tratados.
São convidados especialistas nos diferentes domínios dos temas tratados, na sua maioria internacionais, permitindo uma reflexão abrangente sobre os assuntos e matérias lecionados.
Anualmente é efetuada uma visita de estudo internacional permitindo o contacto com realidades e formas de Acão distintas, possibilitando novas perspectiva e partilha de conhecimentos com realidades distintas.
A avaliação é efetuada através de um trabalho, transversal a todas as unidades curriculares, onde se relacionam as matérias tratadas. Compõem ainda o trabalho de avaliação, o Projeto da investigação a desenvolver com bibliografia comentada e 5 Fichas de leitura.

Bibliografia principal

CRESWELL, John W. (2003), Research Design - qualitative, quantitative, and mixed methods approaches, Sage, Londres.
DOLBEC, André (2003),"A Investigação-Acção", Investigação Social - da problemática à colheita de dados, GAUTHIER, Benoît (ed), Loures, Lusodidáctica, 483-512
FLICK, U. (2005). Métodos Qualitativos na Investigação Científica. Lisboa: Monitor
FORTIN, Marie-Fabienne (2003), O processo de investigação, Loures: Lusociência
GAUTHIER, Benoît (ed) (2003), Investigação Social - da problemática à colheita de dados, Loures, Lusodidáctica
MACKIEWICZ. Marie-Piere (ed.) (2001), Practien et chercheur, Paris: L¿Harmattan
PERETZ, Henri (2000), Métodos em Sociologia, Lisboa, Temas e Debates
REY, Fernando (2005), Pesquisa Qualitativa e Subjectividade, São Paulo: Thomson
SHAW, I. & Gould, N. (2001). Qualitative research in social work. Londres: Sage