Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Estratégia e Mercados Culturais

Curso

Ciências da Comunicação e da Cultura

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura | Semestral | 5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

3 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

125 | 45

Código

ULHT24-3-10115

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. Introdução - Contexto atual. As ¿Novas Economias¿. Introdução à Blue Ocean Strategy. Estratégia e vantagem
competitiva. Posicionamento. Produção cultural. 2. A Estratégia no sector criativo, cultural e artístico - Estratégias
para a Cultura em Lisboa. O Sector Cultural e Criativo em Portugal. Estudo Macroeconómico: Desenvolvimento de um
Cluster de Ind's Criativas no Norte. Guimarães ¿ Capital Euro. da Cultura. Induscria ¿ Plataforma para as Indústrias
Criativas. Outros eventos culturais 3. Formulação Estratégica - Análise Estratégica. Objetivos e Estratégias.
Financiamentos. Planificação e Projeto. 4. Investigação e Análise de Mercados Culturais - Metodologias, Fontes e
Indicadores. Noção de Políticas Culturais. Segmentação. Diplomacia Cultural. Apoios à internacionalização.
Estratégias de Co-produção Internacional 5. Criatividade, Ética e Inovação - Desenvolvimento de novos produtos,
serviços e negócios Culturais/Criativos/Artísticos. Gestão da Inovação.

Objetivos

A unidade curricular Estratégia e Mercados Culturais tem como objetivo principal dotar os estudantes dos recursos
teórico-práticos necessários ao desenvolvimento de pensamento estratégico aplicado à gestão da cultura e das artes,
designadamente através da análise, planificação e implementação de estratégias no âmbito da elaboração de
projetos culturais.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Os estudantes ficarão habilitados a desenvolver os principais conceitos e práticas necessários à análise estratégica e
ao desenvolvimento de estratégias competitivas sustentáveis nos mercados nacionais e internacionais, bem como à
aplicação das suas capacidades criativas na inovação e desenvolvimento de produtos, serviços e negócios culturais.

Metodologias de ensino e avaliação

As aulas são compostas por uma componente teórica que permita uma clarificação das problemáticas colocadas,
uma componente prática que contribua para o desenvolvimento das aprendizagens individuais, e o recurso a estudos
de casos e referenciais de boas práticas. A avaliação é realizada através de: ¿ 2 trabalhos individuais (25%, cada) : Análise do ¿Teatro Rápido¿ + Estratégias de Internacionalização das Artes ¿ 2 trabalhos em grupo : Projecto Cais do
Sodré/Santos Um novo eixo cultural para Lisboa (35%) + Pesquisa de campo: levantamento de criações culturais e
artísticas produzidas na Universidade Lusófona (15%) A unidade curricular requer uma presença em aula de 75%. O
estudante obterá aproveitamento da disciplina se tiver nota final igual ou superior a 10 valores.

Bibliografia principal

FREIRE, Adriano. (2008). Estratégia - Sucesso em Portugal. Lisboa: Verbo.
HOWKINS, John. (2002). The Creative Economy- How People Make Money From Ideas. Londres: Penguin Books.
KOTLER, Philip. (1999). Marketing Management - Analysis, Planning, Implementation and Control. Prentice-Hall
International Editions.
Renée Mauborgne, W. Chan Kim (2007), A Estratégia Oceano Azul. Lisboa: Actual Editora. Estratégia - Gestão da
Cultura e das Artes CEREZUELA, David Roselló. 2005. Diseño y Evaluación de Proyectos Culturales. Ariel.
Comissão Europeia. (2010). Final Report on maximising the potential of Cultural and Creative Industries- June
2010.(PDF)
Comissão Europeia. (2010). LIVRO VERDE_Realizar o potencial das indústrias culturais e criativas (PDF)
Comissão Europeia. (2011). The entrepreneurial dimension of cultural and creative industries. (PDF) COSTA, Pedro.
(2007).