Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Epidemiologia

Disciplina do Curso

Ciências da Nutrição

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura | Semestral | 5,5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

4 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

143 | 60

Código

ULHT1101-7633

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

Epidemiologia Nutricional-definição e objetivo. Monitorização do consumo alimentar e nutricional. Força da associação dieta/doença. Prevenção.
Estudos em Epidemiologia Nutricional. Epidemiologia descritiva, ecológica. e analítica. Meta-análises e estudos de agrupamento.
Avaliação nutricional: pesquisas, vigilância, triagem e intervenções. Interpretação de resultados. Detecção precoce de distúrbios nutricionais em indivíduos e/ou populações como medidas preventivas.
Saúde Pública em Nutrição. Reconhecimento como área de intervenção nutricional em resposta aos determinantes sociais, económicos e de saúde.
Avaliação nutricional das populações. Análise á relação nutrição, sociedade e saúde. Elaborar, planear, implementar e avaliar abordagens para melhorar o bem-estar dos indivíduos, comunidades e a população como um todo, através de uma alimentação e nutrição ótimas.
A capacitação como estratégia na prática de Saúde Pública para a gestão das intervenções.

Objetivos

O objetivo principal é capacitar os alunos que os conhecimentos adquiridos sobre Epidemiologia Nutricional e Saúde Pública contribuem para melhorar a dieta, a saúde e o bem-estar da população. A Epidemiologia Nutricional fornece evidências sobre a relação entre dieta e saúde e desempenha um papel importante de tradução de conhecimento para as políticas aplicadas à nutrição. A Saúde Pública promove a manutenção da saúde e do bem-estar nutricional das populações através de esforços organizados e escolhas informadas da sociedade.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

seguintes competências: Conhecer e compreender os conceitos básicos da epidemiologia nutricional e saúde pública. Conhecer a frequência das principais doenças relacionadas com a alimentação. Conhecer os principais tópicos atuais de interesse da epidemiologia nutricional e da saúde pública. Conhecer e compreender as dificuldades metodológicas da epidemiologia nutricional e das dificuldades de implementação e avaliação de programas de saúde pública.

Metodologias de ensino e avaliação

As metodologias de ensino aprendizagem incluem diversos instrumentos, baseados no ensino magistral /tutorial e no ensino teórico-prático, presenciais. Outros instrumentos de carácter não-presencial (moodle p.ex.) completam e diversificam as opções disponibilizadas. A componente teórica, decorre com exposição das matérias segundo o programa definido.
Na componente teórico-prática são aprofundados alguns dos temas centrais do programa.
Frequência mínima de 2/3 das aulas teórico-práticas.
O regime de avaliação é preferencialmente de carácter contínuo, e valoriza (A) 1 teste escrito (50%), (B) Ficha de exercícios (12,5%), (C) resumo de artigo científico (12,5%) e (D) análise crítica de um artigo com apresentação oral (25%) (Final = A (50%) + B (12,5%) + C (12,5%) + D (25%)). Nota mínima para aprovação é de 9,5V (0/20).
O regime de exame final aplica aos alunos que por ele optem, a nota mínima para aprovação é de 9,5V. A melhoria de nota pode ser realizada sob a forma de exame oral.

Bibliografia principal

Nutritional Epidemiology. Walter Willet. ISBN 0-19-512297-6
Public Health Nutrition. Michel Gibney. ISBN 0-632-05627-4