Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Semiótica

Curso

Comunicação Aplicada: Marketing, Publicidade e Relações Públicas

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura | Semestral | 4

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

2 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

100 | 45

Código

ULHT168-101

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

O estudo dos processos de significação, objeto da Semiótica, constitui-se como uma área decisiva na compreensão científica dos fenómenos da comunicação e integra há muito os curricula destes cursos. A sua proposta é aliciante já que nos permite tomar consciência de como cada pensamento nosso, por mais íntimo, cada gesto ou comportamento, até aos mais complexos fenómenos culturais onde nos inserimos são, efetivamente, uma forma de produção de sentidos. Todo o mundo da vida, todo o humano, é compreendido por esta disciplina como um fenómeno complexo e fascinante de construição de significações. São elas que cimentam a nossa identidade porque, na perspetiva da semiótica, todas as culturas humanas são respostas e estratégias históricas de construção simbólica de um mundo que faça sentido.
Esta disciplina permite ficar a conhecer como é que o sentido se produz e visa, por isso, tornar-nos melhores leitores e comunicadores.

Objetivos

Num primeiro plano, visa-se uma compreensão alargada da questão da significação e da sua posição central na ligação ao mundo que nos rodeia. Compreender que só há mundo na/pela construção da significação.
Num segundo plano, pretende-se familiarizar os alunos com a história e os debates da semiótica, incluindo desenvolvimentos da semiótica contemporânea, bem como a familiaridade com os principais conceitos da disciplina.
Finalmente: exercitar um olhar semiológico aplicado sobre linguagens e objetos comunicacionais contemporâneos.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Esta disciplina permite ficar a conhecer como é que o sentido se produz e visa, por isso, tornar-nos melhores leitores e comunicadores. Estas competências são fundamentais na nossa vida quotidiana e indispensáveis se queremos ser profissionais da comunicação. A aplicação dos seus conceitos a algumas áreas da comunicação, como a publicidade, o cinema ou o jornalismo é um dos objetivos da nossa proposta para este semestre.

Metodologias de ensino e avaliação

Aulas expositivas com recurso a apresentações em powerpoint, intercaladas por ¿Laboratórios¿, ou seja, algumas aulas dedicadas à aplicação prática das diferentes propostas de análise ou ao debate de pequenos textos. Recorre-se com frequência a exemplos das áreas da publicidade, do jornalismo, cinema, televisão ou internet, que acompanham a exposição
de cada uma das propostas teóricas estudadas. O objetivo é ensinar os alunos e alunas a aplicar as teorias.
Para ter sucesso nesta disciplina é crucial a leitura da bibliografia recomendada e que se encontra disponível na área da disciplina no moodle.
Esta disciplina terá 2 elementos de avaliação que consistirão na realização de provas escritas.
- A primeira prova será sobre os módulos I a III do programa;
- A segunda prova só trará a matéria dos módulos IV e V.
A nota resultará da média aritmética das duas provas.
Os alunos serão aprovados com 10 valores.

Bibliografia principal

Fidalgo, António (1999). Semiótica Geral. Covilhã: BOCC-Online.(pp. 7- 20)
Toussant, Bernard (1978).Introdução à Semiologia. Lisboa: Edições Europa-América (pp.17-54)
Eco, Umberto. O hábito fala pelo monge in Psicologia do Vestir. Lisboa: Assírio e Alvim.
Rodrigues, Adriano Duarte (1991). Introdução à Semiótica. Lisboa: Editorial Presença (pp. 7-11; 22-25)
Santaella, Lúcia (1983). O que é a Semiótica. São Paulo: Editora Brasiliense (cap. Primeiros passos para a Semiótica)
Saussure, Ferdinand. Curso de Linguística Geral. Lisboa: D. Quixote (pp. 32-46; 121-140)
Barthes, Roland. Elementos de Semiologia. Lisboa: Edições 70
Rodrigues, Adriano Duarte. (1991). Introdução à Semiótica. Lisboa: Editorial Presença (pp. 26-33)
Rodrigues, Adriano Duarte. (1991). Introdução à Semiótica. Lisboa: Editorial Presença (pp. 34- 45)
Barthes, Roland. Mitologias. Lisboa: Edições 70 [1º edição 1957] (pp. 181-223)
Peirce, ¿Ícone, índice e símbolo¿ in Semiótica. São Paulo: Edit.Perspectivas