Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Introdução à Engenharia Biomédica

Curso

Engenharia Biomédica

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura | Semestral | 3

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

81 | 30

Código

ULHT1706-14624

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. Introdução à engenharia biomédica
2. Funções dos engenheiros biomédicos.
3. Engenharia de proteínas e Anticorpos Monoclonais
4. Produção e purificação de compostos bioactivos
5. Genoma Humano e diagnóstico molecular
6. Terapia génica e tecnologia antisense
7. Biomateriais
8. Engenharia de células e tecidos
9. Próteses e órgãos artificiais
10. Nanotecnologia
11. Biossensores
12. Radiações em Biomedicina
13. Instrumentação Médica
14. Engenharia da reabilitação

Objetivos

Nos países industrializados, a inovação tecnológica progrediu de tal forma que aparece em praticamente todos os aspectos do nosso quotidiano. Este facto é especialmente verdadeiro na área da medicina e da prestação de serviços de saúde. Um potencial dos engenheiros biomédicos passa pela identificação dos problemas e necessidades inerentes à área biomédica e aos cuidados de saúde. A engenharia biomédica é assim uma disciplina multifacetada fortemente fundamentada tanto na engenharia como nas ciências da vida. Na última década, ocorreu uma grande transição, sendo que a engenharia biomédica passou a convergir também para o nível celular e molecular e não apenas no nível dos sistemas orgânicos. Exemplos correntes passam pelo desenvolvimento de biossensores, sequenciadores automáticos, software de informática, assembly de sequências, engenharia de tecidos, órgãos artificiais e sistemas que permitem auxiliar os médicos na tomada de decisões clínicas.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

A Engenharia Biomédica é uma área do conhecimento multidisciplinar que visa estudar e apresentar soluções no campo da biomedicina, estando mais focada nas áreas do diagnóstico médico, biofarmacêutica, terapia génica, próteses e reabilitação, desenvolvimento de novos biomateriais, biossensores, nanotecnologia, passando igualmente pelas técnicas de terapia e diagnóstico envolvendo a medicina nuclear.
Nesta unidade curricular são abordados os temas e conceitos relacionados com as várias vertentes da engenharia biomédica e o papel desempenhado pelo engenheiro biomédico na procura de soluções mais adequadas para o bem-estar do ser humano.

Metodologias de ensino e avaliação

O ensino da unidade curricular assenta em aulas teóricas constituídas, no seu essencial, por sessões expositivas, que servem para introduzir os conceitos fundamentais da disciplina associados a cada um dos tópicos da matéria abordados.
A avaliação será efetuada através da apresentação de uma monografia grupo (15-20 páginas) relacionada com uma temática da Engenharia Biomédica, enquadrando os avanços científicos e suas aplicações.
A mesma será apresentada oralmente em aula durante 20 minutos.
Questionários em contexto de aula.
Nota mínima: 10 valores.

Bibliografia principal

The Biomedical Engineering Handbook, Volumes I & II. (2000) Bronzino, JD, 2nd ed., CRC Press LLC, Boca Raton, USA and Springer-Verlag, Heidelberg, Germany.

Principles of Tissue Engineering. (2000) Lanza RP, Langer R, Vacanti J, 2nd ed., Academic Press, San Diego, California, USA.

Biomaterials Science: an Introduction to Biomaterials in Medicine. (2004) Ratner BD, Hoffman AS, Schoen FJ, Lemons JE. 2nd ed., Elsevier Academic Press, London, UK.

Introduction to Biomedical Engineering, Second edition. Academic press series in biomedical engineering. Joseph Bronzino, Series Editor, Trinity College—Hartford, Connecticut.

Biotechnology for Biomedical Engineers. Edited by Martin l.Yarmush, Mehmet Toner, Robert Plonsey, Joseph D. Bronzino, CRC Press.

Converging Technologies: Nanotechnology and Biomedicine. Edited by Neelina H. Malsch. CRC Press 2005.