Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Estágio I e Projeto

Curso

Serviço Social

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura | Semestral | 6

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

2 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

168 | 157,5

Código

ULHT119-7268

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

I - O Estágio em Serviço Social: apresentação e análise do programa da UC
1.Natureza do estágio, objetivos e competências a desenvolver.
2.Primeiro contacto com a instituição: acesso aos locais de estágio (postura/regras); desenvolvimento de competências pessoais e profissionais em contexto institucional
II - Inserção do aluno no campo de estágio
1.Identificação dos principais elementos mediadores estruturantes da intervenção em Serviço Social, a partir da realidade do local de estágio do aluno, e início do seu estudo e análise nomeadamente:
1.Organização/instituição: principais componentes (estruturais, funcionais, político-sociais)
2.Temática e problemática
3.Serviço Social na organização/instituição
4.Destinatários da intervenção (principais características)
3.Estudo e construção dos instrumentos de observação ¿ Diário de estágio, análise documental, observação, entrevistas e a recolha de dados por questionário
III-Elaboração do projeto de estágio:

Objetivos

Permitir ao aluno aproximações à realidade social e ao espaço de ação do Assistente Social,
Identificar temáticas e problemáticas específicas dos diferentes contextos de estágio;
Desenvolver as capacidades de observação e reflexão crítica, registo e sistematização da informação;
Identificar e compreender alguns vetores estruturantes da intervenção do Assistente Social nas organizações/instituições onde é realizado o estágio
Estudar, os métodos e técnicas adequadas à análise dos problemas e dos contextos de intervenção;
Treinar técnicas de observação, estudo, programação, execução e avaliação;
Treinar as capacidades técnicas de comunicação verbal e não-verbal;
Refletir coletivamente sobre as experiências de estágio, analisando-as teórica, metodológica e criticamente.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

- Capacidade de inserção e compreensão do contexto institucional, organizativo e territorial onde opera o/a assistente social;
- Capacidade de análise organizacional e do espaço profissional do assistente social
- Capacidade de aprofundar ferramentas conceptuais e articular os conhecimentos adquiridos no conjunto da UC do curso
- Capacidade de integrar o conhecimento e experiência pessoal através do processo contínuo de análise e reflexão crítica do observado
- Capacidade de iniciar o processo de análise das necessidades da população utente
- Capacidade de observação e reflexão crítica, registo e sistematização do observado;
- Capacidade de expor e refletir sobre as experiências de estágio;
- Capacidade de identificar as suas próprias necessidades de conhecimento, planificando com o/a docente o seu percurso individual de aprendizagem.
- Capacidade de trabalho em equipa
- Capacidade de relação aos vários níveis hierárquicos da organização e com os utentes

Metodologias de ensino e avaliação

A metodologia de trabalho será diversificada e respeitará os conteúdos do programa. Existirão Sessões coletivas e expositivas por parte do/a docente possibilitando a construção e reflexão teórica e metodológica, a partir da aprendizagem reflexiva,com base nos conteúdos programáticos e, sempre que possível repostando às diferentes experiências empíricas. As sessões de Orientação Tutorial visam o acompanhamento do aluno na aprendizagem e no apoio ao estudo, programação, execução e avaliação das atividades de estágio. Sistema de Avaliação:Esta UC apenas contempla apenas a avaliação contínua e não prevê a realização de exame.A assiduidade, para o regime de avaliação contínua, é de carácter obrigatório a pelo menos 75% das aulas.Indicadores de Avaliação
Assiduidade e pontualidade, atitudes, implicação no processo de aprendizagem (10%).
Roteiro de análise da instituição/organização (15%)
Projecto de Estágio (30%)
Orientação Tutorial/ Dossier de Estágio (20%)
Prática de Estágio (25%)

Bibliografia principal

AAVV (2006). MAPA - Manual de Planeamento e Avaliação de Projectos. Estoril: Principia.
ANDER EGG, Ezequiel e AGUILAR, Maria José (1995). Cómo elaborar un proyecto. Buenos Aires: Lúmen, 2ª ed.
BEAUD, Stéphane; WEBER, Florence (2007). Guia para a Pesquisa de Campo: produzir e analisar dados etnográficos. Ed. Vozes
BILHIM, J. A. de F. (2008). Teoria Organizacional; Estruturas e Pessoas. Lisboa: UTL ¿ ISCSP.
BURGESS, Robert G. (1997). A Pesquisa de Terreno - Uma Introdução. Oeiras: Celta Editora.
GUERRA, Isabel (2000). Fundamentos e Processos de uma Sociologia de Acção. S. João do Estoril: Principia.
MINTZBERG, Henry (2003). Criando Organizações Eficazes: Estruturas em Cinco Configurações. São Paulo: Atlas.
MOREIRA, Carlos Diogo (2001).Planeamento e Estratégias de Investigação Social. Lisboa:ISCSP.
QUIVY, Raymond & CAMPENHOUDT, Luc Van (1992). Manual de Investigação em Ciências Sociais.Lisboa: Gradiva.