Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Socioantropologia do Islão Contemporâneo

Disciplina do Curso

Ciência das Religiões (M)

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 6

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

20 | 20

Código

ULHT453-3945

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. Islão como conceito e religião
2. O monoteísmo islâmico
3. Os Cinco Pilares do Islão (I): testemunho de fé
4. Os Cinco Pilares do Islão (II-V): oração, esmola, peregrinação e jejum
5. Mu¿ammad: profeta do Islão
6. Alcorão: livro sagrado do Islão
7. Elementos de antropologia do Islão
8. Elementos de história, cultura e sociologia do Islão
9. Misticismo Islâmico
10. O Islão na contemporaneidade e em Portugal

Objetivos

Pretende-se com esta unidade curricular introduzir e/ou desenvolver as capacidades de estudo e reflexão dos discentes relativamente às principais dimensões religiosas, antropológicas e sociológicas do Islão, com particular atenção aos fundamentos da espiritualidade islâmica e às questões da contemporaneidade, inclusivamente no contexto da representação do Islão na cultura portuguesa.



Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Os discentes deverão saber utilizar e refletir sobre conceitos e vocabulário específicos do Islão, familiarizar-se com as fontes (Alcorão, textos sobre o Profeta Mu¿ammad, etc.), compreender os principais elementos da história e da cultura das sociedades islâmicas, assim como os conceitos fundamentais da antropologia islâmica, particularmente na perspetiva do misticismo islâmico (ou Sufismo). O Islão enquanto religião ¿abraâmica¿ será igualmente lido num apelo ao cotejo com o Cristianismo e o Judaísmo, inclusivamente à luz das representações do Islão na cultura portuguesa.

Metodologias de ensino e avaliação

As metodologias assentam numa dinâmica centrada no trabalho dos discentes, correspondendo as aulas presenciais a momentos de explicação, discussão e, conforme as necessidades dos alunos, de orientação do trabalho a desenvolver. É nesta envolvência que inerentemente serão transmitidas as perspetivas teóricas. A avaliação incluirá um teste final de avaliação, a produção de um trabalho de investigação e a discussão oral deste trabalho e do teste com o docente, em modalidade presencial. Eventuais alterações sobre as modalidades de avaliação são possíveis e serão comunicadas atempadamente.

Bibliografia principal

Adil, Muhammad, Fenton, ISCA, 2002
Alves, Portugal e o Islão iniciático, Lisboa, Althum, 2016
Belo, Existence Cause Essence, Lisboa, CFUL. Lisboa, 2012
Boscaglia; Barros, «Islão», in Pinto (dir.), Cosmovisões Religiosas e Espirituais, Lisboa, ACM, 2016, 33-38
Brockopp, The Cambridge Companion to Mu¿ammad, Cambridge, CUP, 2010
Chebel, Dictionnaire encyclopédique du Coran, Paris, Fayard, 2009
Goldziher, Le Dogme et la Loi dans l¿Islam, Paris, Eclat, 2005
Helmi, Nobre Alcorão, Al-Madinah, Complexo Rei Fadh, 2007
Hodgson, The Venture of Islam, Chicago-London, University of Chicago, 1974
Ibn Arab, Epístola das luzes, Estremoz, Al-Barzakh, 2009
Juynboll, Encyclopaedia of Canonical Hadith, Leiden-Boston, Brill, 2007
Lings, Muhammad, Rochester, Inner Traditions, 1983
Muhammad, Quarenta Ditos Divinos, Estremoz, Al-Barzakh, 2010
Nasr, Sufi Essays, New York, State University, 1972
Saeed, Introdução ao Pensamento Islâmico, Lisboa, 70, 2010
Zekri, Espiritualidade Islâmica, Silves, CELAS, 2016