Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Actividades Hospitalares e de Campo VI

Curso

Medicina Veterinária

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura; Mestrado | Semestral | 2

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

4 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

50 | 30

Código

ULHT478-8544

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

- Normas de funcionamento do bloco cirúrgico (1);
- Avaliação pré-cirúrgica, acompanhamento e monitorização pós-operatória do animal sujeito a cirurgia (2);
- Acompanhamento anestésico e analgésico do doente cirúrgico (3);
- Realização de técnicas cirúrgicas eletivas (4);
- Acompanhamento de técnicas cirúrgicas complexas (5);
- Acompanhamento de casos clínicos cirúrgicos concretos (6);
- Contato com os prorietários e transmissão de comunicação dos procedimentos cirúrgicos realizados e do prognóstico respetivo (7).

Objetivos

Esta Unidade Curricular visa o contato do aluno com a prática da cirurgia de animais de companhia, tendo como objetivo permitir que o aluno possa aprender a:
- Assimilar as regras de funcionamento do bloco operatório, dominar as técnicas cirúrgicas básicas e as técnicas de indução e manutenção anestésica, através do contato com casos clínicos reais (1);
- Dominar as técnicas básicas de cirurgia, tais como a incisão, o desbridamento, a hemostase e a sutura de tecidos (2);
- Dominar as técnicas cirúrgicas básicas em animais de companhia, tais como: a castração e a ovariohisterectomia (3);
- Interagir com casos clínicos reais a que serão expostos, bem como registá-los ou apresentá-los em aulas de discussão (4);
- Realizar o pós-operatório de um animal, bem como servir de interlocutor junto dos proprietários (5).

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

O aluno, no final da disciplina, deverá adquirir competencias e habilidade prática de maneio cirurgico das principais patologias com esta indicação terapêutica.

Metodologias de ensino e avaliação

Metadologia de ensino:
1- Aulas Práticas com discussão de casos clínicos e visionamento de filmes;
2- Aulas Práticas com observação direta dos procedimentos cirúrgicos no Hospital Escolar da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Lusófona;
3- Aulas Práticas com realização de técnicas cirurgicas eletivas.

Avaliação:
Serão admitidos a avaliação, os alunos que tenham frequentado, pelo menos, dois terços (2/3) do total de aulas práticas.
Apresentação oral de um trabalho de grupo acerca de um caso clínico ou de um procedimento/técnica cirúrgica observada no âmbito das aulas de Patologia e Clínica Cirúrgica I ou de Actividades Hospitalares e de Campo VI, bem como no decorrer de um estágio extra-curricular facultativo.
A sua aprovação implica a obtenção de uma classificação igual ou superior a 9,5 valores.

Bibliografia principal

- Fossum TW. 2013. Small Animal Surgery. 4th ed. Mosby
- Monnet E. 2013. Small Animal Soft Tissue Surgery. Wiley
- Pavletic MM. 2010. Atlas of Small Animal Wound Management and Reconstructive Surgery, 3rd ed. Wiley-Blackwelll
- Piermattei DL, Flo GL, DeCamp CE. 2006. Small Animal Orthopedics and Fracture Repair, 4rd ed. Saunders
- Piermattei D, Jonhson K. 2004. An Atlas of Surgical Approaches to the Bones and Joints of the Dog and Cat. Saunders
- Slatter D. 2003. Textbook of Small Animal Surgery, 3rd ed. WB Saunders
- Verstraete FJ, Lommer M. 2012. Oral and Maxillofacial Surgery in Dogs and Cats. Saunders
- Tobias K, Johnston SA. 2011. Veterinary Surgery: Small Animal. Elsevier