Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Bioquímica II

Curso

Medicina Veterinária

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura; Mestrado | Semestral | 4

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

112 | 60

Código

ULHT478-504

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

I. Metabolismo dos Glúcidos
II. Metabolismo dos Lípidos
III. Metabolismo dos aminoácidos
IV. Metabolismo do nitrogénio
V. Respiração Celular
VI. Regulação e Integração das Funções Metabólicas
VII. Regulação Hormonal
VIII. Técnicas de separação electroforética
IX. Técnicas cromatográficas
X. Bioquímica clínica (ELISA)

Objetivos

Objectivo da unidade curricular (1000 Caracteres):
Objectives
1 - Adquirir conhecimentos sobre as principais vias metabólicas ao nível molecular: glúcidos, lípidos, aminoácidos e azoto.
2 - Adquirir conhecimentos sobre os principais mecanismos bioquímicos associados à respiração celular.
3 - Aprender os mecanismos de integração e regulação das várias vias metabólicas e reconhecer a sua importância na manutenção da homeostasia.
4 - Adquirir conhecimentos relacionados com a regulação hormonal em diferentes tecidos.
5 - Adquirir conhecimentos sobre técnicas laboratoriais para separação, identificação e isolamento de proteínas ¿ cromatografia, electroforese -, diálise e ELISA.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

No final da UC, os alunos deverão ser capazes de:
- Conhecer e identificar as principais vias metabólicas ao nível molecular
- Reconhecer a importância dos conteúdos na compreensão dos processos de base bioquímica importantes em ciência veterinária, desde a fisiologia, à semiótica e à terapêutica
- Conhecer os princípios dos métodos de electroforese, cromatografia, diálise e imunodetecção básicos utilizados em bioquímica clínica.
- Adquirir capacidades de trabalho em equipa, pesquisa e consulta bibliográfica, partilha de conhecimentos, elaboração de um relatório científico e comunicação de resultados.

Metodologias de ensino e avaliação

Metodologias de ensino e avaliação (1000 caracteres):
Teóricas: exposição do programa recorrendo ao uso de meios audiovisuais.
- Avaliação contínua: 2 testes de avaliação (50% cada).
- Exame final no caso de reprovação à avaliação contínua
Práticas: aulas tutoradas, onde é feita a aplicação de metodologias e protocolos utilizados em bioquímica. Será estimulada a obtenção de informação através de pesquisa bibliográfica, a análise e discussão crítica dos resultados e uma atitude de rigor científico. Os resultados serão apresentados através da elaboração de relatórios orais.
- Avaliação contínua: Dois mini-testes (70%), apresentação oral de relatório de grupo (25%) e avaliação contínua (assiduidade, interesse, participação e comportamento, 5%).
- Exame final no caso de reprovação na avaliação contínua. Este exame poderá ser oral ou sob a forma de teste escrito.
A avaliação final é feita com base na média ponderada da componente teórica (50%) e da componente prática (50%).

Bibliografia principal

Campos, L.S. (2008). Entender a Bioquímica (5ª ed.). Lisboa: Escolar Editora.
- Quintas, A., Halpern, M.J. & Freire, A.P. (2008). Bioquímica: organização molecular da vida. Lisboa, Porto: Lidel.
- Nelson, D.L.; Cox, M.M. (2013). Lehninger Principles of Biochemistry. (6rd ed.). New York: W. H. Freeman & Company
- Berg, J.M., Tymoczko, J.L., Gatto, G.J. & Stryer, L. (2015). Biochemistry. (8ª ed). New York: W.H. Freeman.
- Voet D, Voet JG.(2010) Biochemistry. (4ª ed.). Hoboken: John Wiley & Sons
- Devlin, T.M. (2010). Textbook of Biochemistry with Clinical Correlations. (7ª ed.). New York. John Wiley & Sons.
- Weil, J.H., trad. Lechner, M.C. (2000). Bioquímica Geral (2ª ed.). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.