Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Clínica das Espécies Pecuárias II

Curso

Medicina Veterinária

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura; Mestrado | Semestral | 3

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

5 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

84 | 45

Código

ULHT478-8551

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

Fertilidade ¿ performance reprodutiva em bovinos de leite e carne. Nutrição e balanço energético.
Bem-estar animal ¿ Relação com produção. Custos de produção relacionados. Diagnósticos diferenciais. Testagem e Estratégias de controlo e monitorização.
Maneio de doenças dos suínos que afetam a produção ¿ doenças bacterianas. Doenças virais. Doenças parasitarias. Problemas de maneio. Diagnósticos diferenciais. Testagem e Estratégias de controlo e monitorização.
Maneio de doenças das aves que afetam a produção ¿ doenças bacterianas: Diagnósticos diferenciais. Testagem e Estratégias de controlo e monitorização.
Maneio de doenças das aves que afetam a produção ¿ doenças virais: Diagnósticos diferenciais. Testagem e Estratégias de controlo e monitorização. Doenças parasitarias: Diagnósticos diferenciais. Testagem e Estratégias de controlo e monitorização. Problemas de maneio: Diagnósticos diferenciais. Testagem e Estratégias de controlo e monitorização.

Objetivos

1) Aplicar conhecimentos sobre as afeções estudadas nos anos anteriores, comuns que afetam a saúde e a produção dos ruminantes, suínos e aves, nomeadamente a nível infeccioso, parasitário, metabólico e de maneio.
2) Saber o significado de medicina da Produção, de medicina das populações.
3) Saber identificar problemas de efetivo com bases nos exames clínicos, na monitorização de parâmetros clínicos e dados da exploração e na avaliação de instalações.?
4) Ter a capacidade de estabelecer prognósticos para a futura vida produtiva do animal e dos efetivos e aplicar medidas corretivas.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

1) Aplicar conhecimentos sobre as afeções estudadas nos anos anteriores, comuns que afetam a saúde e a produção dos ruminantes, suínos e aves, nomeadamente a nível infeccioso, parasitário, metabólico e de maneio.
2) Saber o significado de medicina da Produção, de medicina das populações.
3) Saber identificar problemas de efetivo com bases nos exames clínicos, na monitorização de parâmetros clínicos e dados da exploração e na avaliação de instalações.?
4) Ter a capacidade de estabelecer prognósticos para a futura vida produtiva do animal e dos efetivos e aplicar medidas corretivas.

Metodologias de ensino e avaliação

A avaliação assume as seguintes formas:

a - Avaliação Contínua:
1) Prática ¿ relatórios casos clínicos presenciados e abordados pelo aluno nas aulas praticas, discussão de artigos científicos.
2) Teórica ¿ média de 3 testes.

b - Avaliação em Exame Final
Caso o aluno não obtenha aprovação por avaliação contínua poderá ser avaliado em exame final.

A classificação final da unidade curricular corresponderá à média ponderada da avaliação prática (50%) com a avaliação teórica (50%).

Bibliografia principal

- Brandt, A., Noordhuizen, J.P.T.M., Schucken, Y.H. (2001), Herd Health and Production Management in Dairy Practice. Wageningen: Wageningen Press
- Weaver, A.D., & St Jean, G. (2005) Steiner A., Bovine surgery and lameness (2nd ed.). Oxford, Ames: Blackwell Publishing
- Anderson, D. E., Rings, D. M. (2009). Howard & Smith Current Veterinary Therapy: Food Animal Practice. St. Louis: Saunders
- Revista Veterinary clinics of North America: food animal pratice