Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Farmacologia e Terapêutica I

Curso

Medicina Veterinária

Grau|Semestres|ECTS

Licenciatura; Mestrado | Semestral | 5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

3 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

140 | 75

Código

ULHT478-8522

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

UNIDADE I: APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA
UNIDADE II: FARMACOCINÉTICA E FARMACODINAMIA
UNIDADE III: FARMACOLOGIA DO SISTEMA NERVOSO AUTÓNOMO E SOMÁTICO. FARMACOLOGIA DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL.
UNIDADE IV: FARMACOLOGIA DO SISTEMA RESPIRATÓRIO
UNIDADE V: FARMACOLOGIA DO SISTEMA ENDÓCRINO
UNIDADE VI: AUTACÓIDES E SEUS ANTAGONISTAS. FARMACOLOGIA DA INFLAMACÃO.
UNIDADE VII: FARMACOLOGIA DO SISTEM
A DIGESTIVO.
Programa Prático
- APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA
- FORMAS FARMACÊUTICAS.
- FARMACOGRAFIA
- VIAS DE ADMINISTRAÇÃO EM ANIMAIS DE COMPANHIA E ESPÉCIES EXÓTICAS
- VIAS DE ADMINISTRAÇÃO: UTILIZAÇÃO EM SITUAÇÕES DE URGÊNCIA


Objetivos

1. Adquirir conhecimentos sobre os fundamentos e conceitos gerais do desenvolvimento de fármacos, desde a sua origem até à sua utilização na prática clínica veterinária, bem como das metodologias experimentais que lhe servem de suporte

2. Adquirir conhecimentos sobre Farmacocinética e Farmacodinâmica, bem como, capacidade de relacionar ambos os conceitos.

3. Estudo dos mecanismos de acção, efeitos farmacológicos, reacções adversas e principais indicações terapêuticas dos diferentes grupos de fármacos.

4. Adquirir conhecimentos práticos nas áreas da Farmacotecnia, Farmacografia e vias de administração de fármacos, no âmbito da clínica dos animais de companhia

Metodologias de ensino e avaliação

1. Aulas magistrais de acordo com o programa da disciplina, com frequência voluntária, embora de presença imprescindível para o acompanhamento global da matéria.
2. Aulas P orientadas com frequência obrigatória, destinadas a complementar os conteúdos programáticos leccionados nas aulas teóricas. O suporte educativo será realizado com modelos para aprimorar a técnicas de administração de fármacos. Os alunos terão contacto com exemplos das várias formas farmacêuticas disponíveis no mercado, realizarão prescrições médicas oficinais e de especialidade em grupo e individualmente, com recurso à bibliografia adequada e praticarão as vias de administração mais comuns na clínica de pequenos animais em cadáveres e modelo canino.
3. A avaliação T. terá um peso relativo de 50% na classificação final da disciplina e será obtida por: 1 frequência escrita intermédia e 1 avaliação final com a parte restante da matéria teórica ou sua totalidade consoante os resultados da avaliação intermédia.
4. A ava