Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Estruturas Especiais

Curso

Engenharia Civil (2ºCiclo)

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 7,5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

208 | 68

Código

ULHT768-1-9688

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. Introdução ao conceito de estruturas especiais
2. Concepção e dimensionamento de pontes em betão armado e pré-esforçado
3. Dimensionamento de vigas-parede em estruturas especiais
4. Concepção estrutural de edifícios altos
5. Dimensionamento de tanques e silos
6. Inspecção, monitorização e diagnóstico de estruturas.

Objetivos

Pretende apresentar aos alunos estruturas que, pelo seu comportamento estrutural, processos de dimensionamento, materiais que as constituem ou processos construtivos utilizados, se consideram especiais.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Abordagem dos problemas específicos do projeto de estruturas especiais em betão armado e pré-esforçado (pontes, vigas-parede, edifícios altos e silos), nomeadamente através da concepção estrutural, da definição de ações e da quantificação dos seus efeitos, e do dimensionamento de armaduras em elementos estruturais. Introdução de métodos de análise simplificados de pré-dimensionamento e aplicação de programas de cálculo automático nas fases de construção e/ou reabilitação.
Capacidade de identificação dos aspectos particulares associados ao comportamento estrutural das estruturas especiais e seleção do processo de dimensionamento apropriado. Capacidade de compatibilizar os processos de cálculo com os processos construtivos.

Metodologias de ensino e avaliação

A metodologia de ensino é composta por aulas teóricas e aulas teórico-práticos. Nas aulas teóricas são abordados assuntos do ponto de vista conceptual e interligados com exemplos práticos simples. Nas aulas teórico-práticas são resolvidos exercícios constantes nas fichas de exercícios disponibilizadas no início do ano lectivo, de forma a interligar os conceitos teóricos com a prática.
A metodologia de ensino é do tipo Avaliação Contínua (AC) com Frequência e/ou Exame Final. A AC é composta por Trabalhos Práticos (40%) e uma Frequência (60%) que inclui a material toda do semestre. Nota mínima de aprovação é de 10 valores. O aluno que tirar a nota mínima na AC fica, automaticamente, dispensado do Exame Final (100%).

Bibliografia principal

Appleton, J. - Estruturas de Betão, Edições Orion, Volume I e II, 1.ª Edição, 2013.
Rito, A. - Apontamentos da disciplina de pontes, Universidade Católica Portuguesa, 2006.
Reis, A. - Folhas da Disciplina de Pontes, Instituto Superior Técnico, 2006.