Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Planeamento e Gestão de Recursos Hídricos

Curso

Engenharia Civil (2ºCiclo)

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 6,5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

2 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

189 | 64

Código

ULHT768-2-9329

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1.DEFINIÇÕES E BACIAS HIDROGRÁFICAS
Caracterização Fisiográfica
Recursos hídricos superficiais, subterrâneos, recursos potenciais e utilizáveis
Inventário de usos e necessidades
Quantidade e qualidade da água
2.EVENTOS EXTREMOS E MEDIDAS DE PLANEAMENTO
Eventos extremos (cheias e secas);classificação dos anos hidrológicos;período de retorno
Estudos de cheias nomeadamente em ribeiras urbanas(previsão e modelação)
Medidas preventivas e corretivas: planos de adaptação e de emergência
3.LEGISLAÇÃO E INSTRUMENTOS
Legislação Europeia(Directiva Quadro Água)
Legislação Nacional(Lei da Água Lei 58/2005 e Lei da Titularidade dos Recursos Hídricos - Lei 54/2005)
Plano Nacional da Água e Planos de Região Hidrográfica
Utilização de Sistemas de Informação Geográfica;Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos; Disponibilidades Hídricas e Restrições Ambientais
4.APROVEITAMENTOS HIDRÁULICOS
Funções e tipo
Usos consumptivos e não consumptivos
Dimensionamento de albufeiras e volume útil de uma

Objetivos

Pretende-se com esta disciplina fornecer aos alunos os conceitos fundamentais relativos à problemática da água e do planeamento e gestão dos recursos hídricos, tendo como unidade a bacia hidrográfica. Pretende-se transmitir conhecimentos que permitam caracterizar os eventos extremos (cheias e secas) e, em particular, efectuar a modelação de cheias.

Pretende-se igualmente transmitir conhecimentos relativos aos aspectos de dimensionamento de aproveitamentos hidráulicos de modo a capacitar os alunos para os aspectos mais práticos do dimensionamento de albufeiras e dos órgãos de segurança.
Esta unidade curricular estabelece igualmente como objetivo o conhecimento do novo paradigma legislativo e de planeamento em curso em Portugal e na Europa. Por último pretende-se realçar a importância dos sistemas de apoio à decisão e de informação geográfica na gestão da água e dos recursos hídricos.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

No final da UC o estudante deverá ter conhecimentos aprofundados para o projecto nas áreas de hidrologia das águas superficiais, nomeadamente de metodologias de cálculo de disponibilidades hídricas e consumos de água associados a um aproveitamento hidráulico. Instrumentos de modelação de cheias; planeamento e mitigação de inundações. Dimensionamento de albufeiras de fins múltiplos e de órgãos de segurança de barragens.

O aluno deverá ainda conhecer a legislação em vigor relativa ao planeamento, gestão e qualidade de recursos hídricos a nível Europeu e Nacional e compreender a importância dos sistemas de informação geográfica e de apoio à decisão no âmbito do planeamento e gestão de recursos hídricos.

Metodologias de ensino e avaliação

Uma hora teórica e duas horas práticas por semana, durante um semestre, com recurso a um método predominantemente por exposição oral. O método de ensino-aprendizagem é igualmente baseado nos trabalhos desenvolvidos nas aulas, no estudo e na pesquisa/consulta de bibliografia pelo estudante,
Durante as sessões teóricas, o docente fará a apresentação e discussão dos conteúdos programáticos, com aplicação dos conhecimentos adquiridos a situações concretas apresentadas.
Nas sessões práticas é dado o apoio aos alunos na realização de dois trabalhos; o apoio compreende 2 fases: discussão com os alunos do enunciado; discussão individualizada e colectiva das dúvidas que surgem. Assim, os alunos serão envolvidos na discussão/resolução dos trabalhos propostos. Em determinados momentos, exigir-se-á do estudante, individualmente ou em grupo, a exposição oral do seu trabalho.
AVALIAÇÃO: Semestral, de incidência contínua (2 trabalhos (20% x 2) e uma prova de avaliação (60%)) ou por exame final (100%)

Bibliografia principal

* Lencastre, A. e Franco, F., 2010. Lições de Hidrologia, Universidade Nova de Lisboa, 451p., ISBN: 978-972-8152-59-0
* Lencastre, A., 2005. Hidráulica Geral, Edição do Autor, Portugal, ISBN: 9789729585906.
* Quintela, A. C., 2009. Hidráulica, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, Portugal, ISBN: 9789723107753.
* Vaz, A., Hipólico, J., 2011. Hidrologia e Recursos Hídricos. ISTPress, ISBN:978-972-8469-86-3.
* Legislação Nacional e Europeia
* Linsley, R., Kohler, M., e Paulhus, J., 1982. Hydrology for Engineers, McGraw-Hill, 508p.
* Chow, V., Maidment, D., e Mays, L., 1988. Applied Hydrology, McGraw-Hill.