Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Alterações Comportamentais em Sala de Aula

Curso

Ensino de Matemática no 3º Ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

130 | 45

Código

ULHT858-11474

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

Perturbação de Hiperactividade com Défice de atenção, Perturbação de Oposição e Perturbação de Comportamento
1. Critérios de diagnóstico
2. Factores associados, etiológicos e de risco
Competência social
1. Tentativas de definição
2. Modelos explicativos causais
3. Critérios de aferição: comportamentais e sócio-cognitivos
4. Avaliação sociométrica
Avaliação
Metodologias avaliação no contexto escolar: instrumentos e informadores.
Intervenção na PHDA, Perturbação de Oposição e Perturbação do Comportamento:
1. Ciclo da indisciplina e prevenção da indisciplina no contexto escolar
2. Intervenções de prevenção primária, secundária e terciária
3. Estratégias e componentes da modificação comportamental
4. Intervenções psicossociais
Intervenção no domínio da competência social
1. Modelos de Intervenção
1.1 Do défice
1.2 Sócio-cognitivos
2. Aspectos facilitadores e impeditivos da eficácia dos prog. de intervenção
2.1 Pré-requisitos
2.2 Estatuto, percepção e

Objetivos

1. Conhecer e compreender as problemáticas relativas à disrupção escolar, com ênfase na Perturbação de Hiperactividade e Défice de Atenção, Perturbação de Oposição, Perturbação do Comportamento e Défice de Aptidões Sociais
2. Adquirir competências de avaliação destas problemáticas em contexto escolar
3. Adquirir competências de intervenção nestas problemáticas, integrando os vários elementos envolvidos, com ênfase no contexto escolar

Metodologias de ensino e avaliação

Metodologia
1. Abordagem teórica dos temas programáticos, seguida de discussão, através da utilização de método interrogativo e dinâmicas de aplicação prática e trabalhos de grupo.
2. Acompanhamento e monitorização das actividades realizadas em pequenos grupos.
Regime de avaliação contínua:
- 80% de presenças nas aulas.
- Duas provas escritas¿ 50% da classificação final.
- Um trabalho de grupo - 50% da classificação final.
- em qualquer momento da avaliação obter pelo menos 8 valores.
¿ Os alunos que decidirem ir a exame final (1ª época desse mesmo ano) poderão ver contabilizada a classificação obtida no seu trabalho, se assim o desejarem.

Bibliografia principal

Asher, S. R. & Hymel, S. (1981). Children's social competence in peer relations: Socio¬metric and behavioral assessment. In J. D. Wine & D. M. Smye (Eds.), Social com¬petence (pp. 125-157). New York: Guilford Press
Barkley, R.S. (1990). Attention-deficit hiperactivity disorder: handbook for diagnosis and treatment. London: The Guilford Press
Ladd, G. W. (1981). Effectiveness of a social learning method for enhancing chil¬dren's social interaction and peer acceptance. Child Development, 52, 171-178
procedures (pp 25-65). New York: The Guilford Press
Michelson, L.; Sugai, D. P.; Wood, R. P. & Kazdin, A. E. (1983). Social skills assess¬ment and training with children. New York: Plenum Press
Selman, R. L. & Schultz, L. H. (1988). Children's strategies for interpersonal nego¬tiation with peers: An interpretative/empirical approach to the study of social development. In T. J. Berndt & G. W. Ladd (Eds.), Peer relationships in child development (pp. 371-406). New York: John Wiley & Son