Contacto WhatsApp 963640100

Universidade Lusófona

Estágio Curricular

Curso

Museologia

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Anual | 10

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

280 | 115

Código

ULHT95-6561

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Pré-requisitos e co-requisitos

Não aplicável

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

Introdução à prática profissional através do estudo da instituição e dos elementos mediadores da intervenção do museólogo

Objetivos

1.Identificar e caracterizar os principais vectores estruturantes da intervenção do museólogo nas instituições onde é realizado o estágio
Identificar temáticas e problemáticas específicas dos diferentes contextos de estágio;
2.Aprofundar ferramentas conceptuais e articular os conhecimentos adquiridos no conjunto da UC
3.Analisar e sistematizar o conhecimento adquirido no estágio, reflectindo teórica, metodológica e criticamente sobre as experiências observadas e vivenciadas
4.Investigar a partir da experiência do estágio, na construção do problema e objectivos e estratégia metodológica
5.Seleccionar e treinar determinados métodos e técnicas (observação, estudo, programação, execução e avaliação) que permitam proceder a uma planificação do estágio e proceder a uma aproximação aos problemas e contextos de intervenção;

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Identificar e analisar os procedimentos de intervenção do Museólogo nas instituições;
Seleccionar e aplicar os instrumentos teórico-metodológicos para a análise e compreensão da realidade;
Elaborar um diagnóstico museológico compreensivo das situações-problema
Desenvolver as actividades, acções e tarefas de acordo com o Proj de Estágio;
Identificar as suas próprias necessidades de conhecimento/aprendizagem, planificando com o docente e orientador;
Entender o processo de construção do problema a pesquisar e estratégia metodológica a adotar

Metodologias de ensino e avaliação

A dinamização das sessões contempla apresentações, individuais ou colectivas, realizadas pelos alunos e docente com debate e reflexão.
As sessões colectivas e expositivas por parte do docente e discentes possibilitam a construção e reflexão teórica e metodológica, a partir da aprendizagem reflexiva, com base nos conteúdos programáticos. Esta UC conta com uma supervisão sistemática dos profissionais de campo (supervisores institucionais) e docentes do curso de SS (supervisores académicos). As sessões de supervisão académica visam o acompanhamento do aluno na aprendizagem e no apoio ao estudo, programação, execução e avaliação das actividades de estágio. Cada aluno deve apresentar as fichas semanais ou quinzenais de estágio, agenda da OT.

Bibliografia principal

AAVV (2006) MAPA-Manual de Planeamento e Avaliação de Projectos, Oeiras, Princípia.
ANDER -EGG, E.; IDAÑEZ, M. José Aguillar (1999),Diagnóstico Social - Conceptos Y Metodologia,Madrid. I.C.S.A.
FODDY, W. (1996),Como Perguntar. Teoria e prática da Construção de Perguntas em entrevistas e questionários. Oeiras, Celta.
Quivy, R. (1998). Manual de Investigação em Ciências Sociais. Lisboa: Âmbar TONON, G. (compilação) (2005). Las técnicas de actuación profesional del Trabajo Social. Buenos Aires. Espacio Ed