filmeu
março-zero-em-comportamento

Filmes em Cartaz - Zero Em Comportamento

Conheça os filmes em exibição e respetivos descontos para estudantes, docentes e funcionários

03.04.24 - 10h00

Evento em Atualização

Participe no passatempo e ganhe 5 bilhetes duplos para a Sessão de Alcântara, no próximo dia 13 de abril!

Inscreva-se no passatempo aqui

Debaixo do Tapete

O Filme do Mês de Abril explora as consequências duradouras da escravatura e do passado colonial português trazendo à luz do dia o racismo, a violência e a segregação que ainda persistem nos dias de hoje.

Sinopse

Há mais de uma década, a jornalista portuguesa Catarina Demony descobriu que a sua família tinha um passado escondido. Os seus antepassados, os Matoso de Andrade e Câmara, foram dos maiores traficantes de pessoas escravizadas em Angola. Desde então, Catarina sabia que queria tirar a história da sua família “debaixo do tapete” e chamar a atenção para o impacto duradouro desse passado.

Este documentário conta uma história que está longe de ser invulgar em Portugal: uma família que ganhava dinheiro com o tráfico de seres humanos e com o roubo da sua dignidade. Esse dinheiro deu indiretamente a Catarina, e a muitos outros, os privilégios de que ainda hoje gozam.

Juntamente com o jornalista Carlos A. Costa, este documentário não só conta a história da família de Catarina, como também explica as consequências de séculos de escravatura. Ambos querem explicar porque é que o passado colonial continua a ser um “tabu” na sociedade atual e porque é que, mais do que nunca, é importante trazer o assunto para cima da mesa.

Um filme que nos confronta com a compreensão das verdadeiras ramificações de um passado colonial na nossa sociedade atual e que resgata uma narrativa que faz parte da nossa história coletiva.

Trailer

Sessões e Preços

Lisboa
  • Cinema City Alvalade • 9 abril 2024 • 21h45 • Preçário em vigor no cinema
  • Biblioteca de Alcântara • 13 abril 2024 • 18h00 • 4€
  • Biblioteca de Marvila • 18 abril 2024 • 21h00 • 4€ • Seguida de conversa com o realizador, produtores do filme e Hélder Lopes, doutorando em letras e (pós) colonialismo
Leiria
  • 12 de abril • 18h00 • Fnac LeiriaShopping • Entrada Gratuita
Matosinhos
  • 17 de abril • 19h00 • Fnac NorteShopping • Entrada Gratuita
Almada
  • 18 de abril • 18h30 • Fnac Forum Almada • Entrada Gratuita
Aveiro
  • 18 de abril • 19h00 • Fnac Forum Aveiro • Entrada Gratuita
Porto
  • 25 de abril • 13h00 • Fnac St.ª Catarina • entrada gratuita
Gaia
  • 29 de abril • 17h00 • Fnac GaiaShopping • Entrada Gratuita

SOS: SALVEM A NOSSA ESCOLA

Estreia comercial a 11 de abril

Carine May e Hakim Zouhani abordam temas sérios num filme bem disposto com uma história que não passou despercebido no Festival Internacional de Cinema de Cannes e na Festa do Cinema Francês, e que a partir de 11 de abril chega ao Cinema City Alvalade, ao Cinema City Setúbal e ao Cinema City Leiria.

Sinopse

Nesta história que nos leva ao coração da escola primária Jacques Prévert, nos arredores de Paris, ameaçada pela iminente conclusão da construção de um novo e eclético estabelecimento de ensino, quem comanda o destino dos seus alunos é a diretora Zahia.

Temendo perder o pouco de diversidade social que resta na sua escola e esperando atrair os novos moradores da cidade, Zahia junta-se a Marion, uma jovem e engenhosa professora, para criar a primeira “escola verde” dos subúrbios. Mas, para isso terão de juntar esforços com uma equipa de ensino, que é no mínimo bastante eclética, e que não é exatamente o grupo mais ecologicamente correto do planeta!

Nascidos e criados em Aubervilliers, Carine May e Hakim Zouhani inspiraram-se na sua cidade, que retratam frequentemente nos seus filmes, e através da qual deixaram a sua marca na comédia dramática com perspicazes retratos dos bairros da classe trabalhadora moderna.

Em “SOS – Salvem a nossa escola” a classe representada é a dos professores que, contra todas as probabilidades, assumem o lugar de protagonistas-heróis num retrato original de uma gentrificação crescente que não só condiciona a diversidade nas escolas públicas, como também promove um sistema de segregação educacional e de falta de confiança no sistema escolar.

Em abril, esta dupla de realizadores traz-nos uma lufada de ar fresco que abre as portas a um pátio dos milagres, aberto a todos os que nele queiram acreditar!

Trailer

Local

  • Cinema City de Alvalade

Benefícios

Se identificar-se como sendo estudante, funcionário ou docente da Universidade Lusófona, terá 0,50€ de desconto nas sessões em Bibliotecas. (Desconto aplicável apenas nas bilheteiras)

Para grupos maiores de 10 pessoas, aplica-se um desconto de 1€. (Este desconto não é aplicável no Cinema City Alvalade).


Partilhar

Lisboa 2020 Portugal 2020 Small Logo EU small Logo PRR republica 150x50 Logo UE Financed Provedor do Estudante Livro de reclamaões Elogios