filmeu
estudantes-da-universidade-lusofona-participam-em-reuniao-da-onu

Estudantes da Universidade Lusófona participam em Reunião da ONU

A reunião ocorreu em Genebra e teve como tema principal os Sistemas de Armas Autónomas Letais

26.03.24 - 10h30

No dia 4 de março de 2024, os estudantes da Licenciatura em Ciência Política e Relações Internacionais (CPRI) da Universidade Lusófona, Eva Marise Cruzeiro Alexandre e Luís Cláudio Barnech Campani Farias, fizeram parte da Delegação da Sociedade Civil junto ao comité da Convenção da ONU sobre Armas Convencionais (CCW), Grupo de Especialistas Governamentais em Tecnologias Emergentes na Área do Sistema de Armas Autónomas Letais, que decorreu em Genebra, entre os dias 4 e 8 de março.

A participação de Luís Campani em advocacy própria e original pela segunda vez, demonstra o quanto a juventude se envolve no ambiente internacional com desenvoltura em pautas relevantes da construção da paz, tal como na regulação de armas autónomas.

A reunião, centrada na "Convenção sobre a Proibição ou Limitação do Uso de Certas Armas Convencionais que Podem Ser Consideradas como Produzindo Efeitos Traumáticos Excessivos ou Indiscriminados", abordou questões cruciais relacionadas ao desenvolvimento e à regulamentação de tecnologias avançadas, com foco especial na Inteligência Artificial (IA) e nos sistemas de armas autónomas (AWS).

O evento visa traçar o rumo dos regulamentos AWS, com um olhar particular sobre as vozes e preocupações da região do Indo-Pacífico, muitas vezes sub-representadas em debates globais sobre esta temática. Organizado pelo Departamento dos Negócios Estrangeiros da República das Filipinas, a reunião em Genebra surge como um esforço para incluir e amplificar as perspetivas indo-pacíficas sobre os desafios e implicações do uso da autonomia nos sistemas de armas.

As Filipinas têm liderado iniciativas para elevar as vozes desta região, como evidenciado pela Reunião de Manila sobre as Perspetivas Indo-Pacíficas dos Sistemas de Armas Autónomas, realizada em dezembro de 2023. Nesse sentido, o evento em Genebra concentrou-se em questões cruciais, incluindo os potenciais efeitos ambientais no ambiente marinho e a necessidade de proibições e regulamentações específicas.

A participação dos estudantes da Universidade Lusófona neste evento reforça o compromisso da universidade com a formação de profissionais engajados e capacitados para contribuir ativamente para os debates e ações que moldam o cenário internacional em áreas críticas como segurança e política global.

Partilhar

Política de Cookies
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação.
Aceitar
Lisboa 2020 Portugal 2020 Small Logo EU small Logo PRR republica 150x50 Logo UE Financed Provedor do Estudante Livro de reclamaões Elogios