filmeu
promover-e-inspirar-a-acao-climatica-aplicada-a-adaptacao-de-pontes

Promover e Inspirar a Ação Climática Aplicada à Adaptação de Pontes

Artigo de investigadores da ULusófona foi selecionado pela Sociedade Americana de Engenheiros Civis

29.01.24 - 09h51

Com vista à promoção da investigação científica no que concerne o tema das alterações climáticas, a Universidade Lusófona – Centro Universitário Lisboa alcançou uma nova conquista com o reconhecimento de um dos seus artigos científicos.

A Sociedade Americana de Engenheiros Civis (ASCE) considerou de especial relevância o artigo “Roteiro para uma abordagem de avaliação integrada da adaptação das pontes de betão às alterações climáticas” (A Roadmap for an Integrated Assessment Approach to the Adaptation of Concrete Bridges to Climate Change) da autoria dos investigadores Eloi Figueiredo, Luís Oliveira Santos, Ionut Moldovan, Dimitrios Kraniotis José Melo, Luís Dias e Guilherme B. A. Coelho, enquanto artigo-chave na promoção da ação climática, enquadrada com o 13.º Objetivo de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas: Ação Climática.

As pontes desempenham um papel crucial nas sociedades modernas, independentemente da sua cultura, localização geográfica ou desenvolvimento económico. As mais seguras, económicas e resistentes são aquelas que, naturalmente, são bem geridas e mantidas. Recentemente, as alterações climáticas têm sido apontadas como uma das maiores preocupações para a saúde deste tipo de estruturas e embora a incerteza associada à magnitude das alterações seja grande, o facto de o nosso clima estar a mudar é inequívoco. Por conseguinte, tornar as pontes resistentes às alterações climáticas é uma prioridade para as autoridades. Uma intervenção precoce bem planeada pode salvar vidas e dinheiro.

Deste modo, o objetivo deste documento é analisar o trabalho já realizado sobre as alterações climáticas e as pontes e definir um roteiro para uma abordagem de avaliação integrada da adaptação das pontes às alterações climáticas. Esta abordagem baseia-se num quadro probabilístico e físico capaz de estabelecer prioridades para as medidas de adaptação das pontes em função da sua localização, do cenário climático, do impacto, da vulnerabilidade, do risco e do custo, de modo a ajudar as autoridades no processo de tomada de decisões.

Posto isto, é com grande orgulho que a Universidade Lusófona, promove, todos os dias, a inovação na investigação e no compromisso para com uma sociedade mais consciente dos seus riscos climáticos e ambientais.


Partilhar

Política de Cookies
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação.
Aceitar
Lisboa 2020 Portugal 2020 Small Logo EU small Logo PRR republica 150x50 Logo UE Financed Provedor do Estudante Livro de reclamaões Elogios