licenciatura-engen-info-redes-telec

Licenciatura Engenharia Informática, Redes e Telecomunicações

Lisboa
A Licenciatura em Engenharia Informática, Redes e Telecomunicações da Universidade Lusófona de Lisboa pretende: 1. Formar licenciados com fortes capacidades de responder aos desafios colocados pelo mercado de trabalho nas áreas da informática aplicada à... Ler mais

Partilhar

Email

GrauLicenciatura Semestres6 Créditos180 ECTS
  • Apresentação

    Apresentação

    A Licenciatura em Engenharia Informática, Redes e Telecomunicações da Universidade Lusófona de Lisboa pretende: 1. Formar licenciados com fortes capacidades de responder aos desafios colocados pelo mercado de trabalho nas áreas da informática aplicada às telecomunicações e redes, do desenvolvimento de aplicações ao projeto, gestão e instalação de serviços e infraestruturas. 2. Completar essas competências com disciplinas mais avançadas, refletindo os avanços recentes na área das Ciências e Tecnologias de Informação. 3. Desenvolver perfis com fortes competência tecnológicas e humanas, de modo a que os candidatos possam obter um alto grau de empregabilidade no final do 1º ciclo, ou prosseguir os estudos de 2º ciclo com excelentes perspetivas de sucesso. 4. Oferecer um ensino de qualidade assente num corpo docente integrando especialistas e académicos com elevado potencial pedagógico e atividade comprovada em investigação. 5. Proporcionar aos licenciados um amplo leque de escolhas profissionais. 0 corpo docente dispõe de curriculum académico e empresarial adequado. O Coordenador do Curso, Prof. Doutor Marko Beko, é o vencedor do prémio IBM 2008 e autor de 2 livros, 3 capítulos de livro, 6 patentes, e mais de 70 publicações científicas. http://www-05.ibm.com/pt/pc/vencedores/, https://scholar.google.com/citations?user=_kW01-IAAAAJ&hl=en
  • Condições de Ingresso

    Condições de Ingresso

    Podem candidatar-se a este ciclo de estudos os que apresentem candidatura através do concurso institucional de acesso e tenham aprovação à seguinte prova:

    • 16 Matemática


    Os candidatos podem também ingressar através dos regimes de mudança de par instituição/curso ou ainda através de um concurso especial de acordo com as normas legais em vigor (titulares de cursos superiores, titulares de CET's, titulares de CTSP Maiores de 23 anos). Podem ainda ingressar os candidatos qua reúnam as condições previstas no Estatuto do Estudante Internacional.
  • Competências

    Competências

    O curso de Licenciatura em Engenharia Informática, Redes e Telecomunicações (LEIRT) é uma nova licenciatura da ULHT, motivada pelas necessidades crescentes de profissionais nas áreas de convergência entre a informática, as redes de computadores e as telecomunicações fixas e móveis. A LEIRT fornece conhecimentos e competências que permitirão o desenvolvimento de projetos nas áreas dos sistemas computacionais em nuvem, aplicações online, redes celulares, redes de dados, Internet das Coisas, entre outras. A convergência entre a informática, as redes de computadores e as telecomunicações fixas e móveis, traduzida, por exemplo, nas plataformas computacionais em nuvem, abriu novas necessidades do mercado, não satisfeitas por cursos clássicos de informática ou de telecomunicações. A LEIRT pretende formar profissionais de engenharia capazes de responder aos desafios colocados pelo mercado de trabalho nas áreas da informática aplicada às redes e telecomunicações, do desenvolvimento de aplicações ao projeto, instalação e gestão de infraestruturas e serviços. Licenciatura em Engenharia Informática, Redes e Telecomunicações da Universidade Lusófona está alinhado com os ciclos de estudo europeus análogos e estrutura-se da seguinte forma: Durante os quatro primeiros semestres do ciclo de estudo proposto são introduzidos os conceitos base das principais áreas (Matemática, Telecomunicações, Redes e Informática). Na área da Matemática desenvolvem-se as competências básicas em Análise, Álgebra Linear e Probabilidades e Estatística que permitirão, mais tarde, a compreensão de conceitos avançados de modelação de sistema, análise de dados e estatística. Na área das Telecomunicações os alunos adquirem os conhecimentos fundamentais de Propagação e Radiação, Comunicações Analógicas e Comunicações Digitais, base para o entendimento dos problemas em estudo nas Telecomunicações. Na área das Redes os alunos adquirem os conhecimentos fundamentais de Redes de Computadores, base para o entendimento dos problemas em estudo nas Redes. Na área da Informática os alunos adquirem autonomia na utilização dos conceitos de Programação, Sistemas Operativos, Bases de Dados e Computação Móvel que irá permitir uma aplicação prática do conhecimento a adquirir nas fases subsequentes do ciclo de estudos. Durante o quinto e o sexto semestre aprofundam-se os conhecimentos em Telecomunicações, Redes e Informática. Em paralelo com a exposição teórica de conhecimentos de cada unidade, é esperado que os alunos desenvolvam trabalhos práticos de aplicação dos conhecimentos adquiridos em unidades anteriores (e.g. redes, telecomunicações, programação,bases de dados, etc...).Deste modo os alunos consolidam os conhecimentos adquiridos,desenvolvem as capacidades de integração e aplicação prática de conhecimentos e os hábitos de trabalho.
  • Objetivos

    Objetivos

    O objetivo essencial da Licenciatura em Engenharia Informática, Redes e Telecomunicações da Universidade Lusófona consiste em formar licenciados capazes de assumir posições de destaque em projetos de engenharia informática, redes e telecomunicações, assumindo pela sua formação e atitude papéis relevantes na geração de inovação e riqueza. Para atingir esses objetivos, os estudantes deverão adquirir os seguintes conhecimentos considerados como fundamentais neste domínio: - Ciências básicas da matemática e física. - Conceitos fundamentais de informática, incluindo hardware e organização de computadores, linguagens e paradigmas da programação, algoritmos e estruturas de dados, sistemas operativos e sistemas de informação, das telecomunicações e das redes de computadores. - Compreender e utilizar os modelos de programação na nuvem. Finalmente, deverão desenvolver atividades de iniciação à investigação na área das Ciências e Tecnologias de Informação, que lhes possibilitem o prosseguimento dos estudos e/ou de enveredar por percursos académicos.
  • Infra-estruturas e Equipamentos

    Infra-estruturas e Equipamentos

    Videoprojector fixo 22 Quadro interactivo 1 Sistema de áudio 4 PC/Netbook Portátil 20 Retroprojector 4 PC Desktop HP7600 Pentium D 70 PC Desktop Dx2420 Dual Core 120 Desktop HP Elite 8300 Core i3 18 Desktop HP8200 Core i5 60 Network Server HP DL380 G5, 2 Traffic Server HP DL360 G4 4 Moodle Server HP DL380 G4 1 Virtlab Server HP DL380 G5 1 Auth Server HP DL380 G2 1 ReCIL Server HP BL460c 1 Web Server1 HP BL460c 3 Storage Lab Server 1 Licenses Server HP DL160 G2 1 BD Server1 HP DL380 G7 2 Storage Server HP MSA2000 1 Edge Networking Fortigate 800 1 Switching Interconnect Cisco Catalyst 3550 1 Switching Lab Cisco Catalyst 2950 12 Switching Support HP Procurve v191048G 12 WiFi Network Cisco Aironet 1242AG Access Point 60 WiFi Network Xirrus XN4 Access Point 5 RADIUS Server Cisco Secure ACS Server 1 Wireless LAN Controller CiscoWorks Solution Engine (WLSE) 1 MathWorks (MATLAB) R2016a 20 MathWorks (Simulink) 20
  • Observações

    Observações

    Alumni - antigos alunos - Marcelo Costa - entrou no IST em 2020 para realizar mestrado - Ricardo Santos - entrou no IST em 2021 para realizar mestrado - Pedro Sardinha- acabou em 2020, actualmente na NOS (Datacenter-Network and Security) e entrou no ISCTE em 2021 para realizar mestrado em engenharia de telecomunicações e informática - Rui Rezendes - acabou em 2020, actualmente na NSN (Nokia Siemens Network) e entrou no ISCTE em 2020 para realizar mestrado em engenharia de telecomunicações e informática. - Pedro Perez - acabou em 2021, actualmente na IEFP, Programador de Software - João Ferreira - acabou em 2021, actualmente na Leonteq AG

Centro Universitário

Lisboa | Esc.Comunicação, Arquitetura, Artes e TI
CANDIDATAR-ME

Fases de candidaturas a decorrer

Consulte abaixo as fases de candidaturas a decorrer para este curso.
Pode consultar todas as outras fases aqui.

Valores

A este ciclo de estudos/programa de formação aplicam-se as tabelas de emolumentos em vigor na Universidade Lusófona.
    • Valores Candidatura
      Acesso 198€
      Titulares de curso superior 198€
      Reingresso 80€
      Maiores de 23 198€
      Estudantes Internacionais 260€
      Mudança de curso 80€
      Estudantes Internacionais 260€
    • Valores Matrícula e Inscrição
      Matrícula 255€
      Seguro Escolar 40€
      Inscrição 325€
    • Propinas
      Valor médio mensal para 30 ECTS para disciplinas semestrais 391.2€
      Valor por ECTS 13.04€
    • Valores Candidatura
      Acesso 210€
      Titulares de curso superior 210€
      Reingresso 90€
      Maiores de 23 210€
      Estudantes Internacionais 300€
      Mudança de curso 90€
      Estudantes Internacionais 300€
    • Valores Matrícula e Inscrição
      Matrícula 265€
      Seguro Escolar 40€
      Inscrição 335€

Direção do Curso

Secretariado

Lurdes Oliveira

  • Extensão Telefónica
    764
  • Local de atendimento
    Sala F.1.6
  • Horário de atendimento
    2ªf a 6ªf - 9h30 às 13h

Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior

Estado de acreditação
Acreditado - Deliberação
Registo: R/A-Cr 14/2017

Requisitos de Graduação

Ter concluído um total de 180 ECTS.
Política de Cookies
Este website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação.
Aceitar
Lisboa 2020 Portugal 2020 Small Logo EU small Logo PRR Logo UE Financed Logo PT Livro de reclamaões Elogios